Juscelino Cabral busca medidas urgentes para o Parque dos Jequitibás
Insatisfação dos moradores da região com a administração pública é de anos
Foto: Valdenir Rodrigues/CMD
16/03/2021 11:50

O vereador Juscelino Cabral (DEM) protocolou durante sessão ordinária na segunda-feira (15), indicação solicitando ao prefeito Alan Guedes (PP), e ao secretário municipal de obras públicas, Luis Gustavo Casarin, melhorias emergências de curto prazo no Parque dos Jequitibás. 

Juscelino que esteve no dia 10 de março com o presidente do bairro dos Jequitibás, Jaime Pandolfo Junior, pode ouvir suas reivindicações que já foram protocoladas na prefeitura, através de oficio. Outro ponto importante é a regularização do acesso irregular aberto entre as quadras da CONAB e do Estádio Douradão. Segundo o parlamentar, esse trecho não consta no planejamento urbano e de malha viária do município.

O Parque dos Jequitibás está em uma localização estratégica entre a movimentada rua Coronel Ponciano e a BR-163, oferecendo grandes possibilidades ao planejamento de mobilidade municipal, inclusive como alternativa de vazão do fluxo para os bairros adjacentes ao sul como Jardim Guaicurus, Vival dos Ipês, Esplanada, entre outros.

“É necessário e urgente um esforço para a revisão de valores e atualização do projeto completo do bairro facilitando o planejamento e a obtenção de verbas, para que a pavimentação e drenagem cheguem a 100% do bairro”, destacou. 

Para o início de 2021, tem um recurso importante garantido através da SUDECO que soma R$ 2.870.210,73. “É preciso coerência na aplicação dos recursos, pensando sempre no objetivo maior a pavimentação do bairro”, alertou.

Conforme o vereador do DEM, a insatisfação dos moradores da região com a administração pública é de anos, já que em dias chuvosos as ruas ficam intransitáveis, a locomoção prejudicada e correm recorrentes atolamentos. Já nos períodos de seca a poeira cobre todo o bairro.

Juscelino informou que no ano passado foi concluída a aplicação de duas emendas parlamentares, para a execução de um trecho de drenagem e o restante para uma pequena pavimentação asfáltica no entorno da Prefeitura, atendendo aproximadamente 20 moradias.

“O problema está na falta de pavimentação, abandono das vias públicas, mesmo com mais de 20 anos de existência, com a população estimada de 2.500 moradores, até hoje, enfrentam problemas com a falta de infraestrutura básica de pavimentação asfáltica e drenagem de águas pluviais”, destaca Juscelino.

Texto/Fonte: Assessoria

Informativo da Câmara

Cadastre seu e-mail para receber novidades da Câmara Municipal de Dourados.