Idenor e diretores do município discutem propostas da prefeitura
08/02/2018 06:29

08/02/2018 06h27 - Por: Assessoria

Atendendo a solicitação do Conselho dos Diretores de Escolas do Município, o vereador Idenor Machado (PSDB) reuniu-se, na manhã desta terça-feira (6), com esses profissionais para discutir a proposta que a administração municipal está apresentando para o diretor que só possui um cargo efetivo.

De acordo com a professora Deumeires Moraes, presidente do Conselho, a Lei proposta pela prefeitura necessita de uma correção, uma vez que a mesma se torna contraditória quando diz que o diretor que possui um cargo efetivo, deve ser contratado com aulas complementares em forma de suplência. O que contradiz a definição de suplência, que seria para sala de aula e o cargo de diretor é uma função administrativa.

Deumeires salientou ainda que essa preocupação é também para preservar a administração municipal de futuros problemas, pois da forma que está sendo proposto, além de atingir a classe, haverá a possibilidade de abertura de ações contra a prefeitura.

O professor Renato Marin, diretor da Escola Weimar Torres, salientou que o contrato proposto pela administração se torna contraditório, ferindo uma Lei maior e caracteriza o desvio de função, pois contrata como professor para exercer o cargo de diretor.

O presidente da Comissão de Educação da Câmara, vereador Idenor Machado (PSDB), disse que levará a preocupação dos diretores até a prefeita Délia Razuk (PR), buscando uma solução para a situação, que, de acordo com sua análise, pode ser solucionada de forma coerente e dentro da Lei.

Estiveram ainda participando da reunião os vereadores Júnior Rodrigues (PR), líder da Prefeita na Câmara Municipal, e Romualdo Ramim (PDT).


Idenor se reuniu com professores nesta terça-feira  / Foto: Divulgação

Texto/Fonte:

Informativo da Câmara

Cadastre seu e-mail para receber novidades da Câmara Municipal de Dourados.