Em sessão na Câmara, senadora Soraya Thronicke anuncia recursos para Dourados
Senadora Soraya Thronicke utiliza tribuna livre durante sessão ordinária remota na Câmara de Dourados
Foto: Assessoria
22/06/2020 22:06

A sessão ordinária da Câmara Municipal de Dourados desta segunda-feira, 22, contou com a participação da senadora Soraya Thronicke (PSL) que utilizou a tribuna livre para discorrer sobre as ações do mandato, recursos destinados à mitigação dos efeitos da pandemia de Covid-19, e ainda, sobre a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) de adiamento das eleições municipais de 2020. A participação foi realizada por meio de videoconferência.

A senadora afirmou que, em seu mandato, já destinou a Dourados recursos no valor de R$ 8,5 milhões. “Desses valores, são R$ 2,5 milhões para o Hospital da Vida e R$ 3 milhões para o Hospital Evangélico. Para a Educação foram indicados R$ 250 mil para reforma da Escola Municipal Coronel Firmino Vieira de Matos, do distrito de Macaúba, já para o Lar Santa Rita foram destinados os recursos de R$ 100 mil e ainda encaminhamos duas viaturas descaracterizadas para a Polícia Civil”, garantiu.

Com relação à Covid-19, um grupo de empresários se juntou para uma reforma no Hospital da Vida e solicitou ajuda da senadora. “O Hospital está em uma situação precária, a sociedade se mobilizou e, a pedido deles, destinei R$ 2,177 milhões que chegarão na próxima semana. Também trabalhei junto à Ebserh [Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares], a pedido do secretário estadual de Saúde, Geraldo Resende, pois tenho contato e abertura no Governo Federal e consegui R$ 5 milhões para adiantar as obras do Hospital da Mulher e da Criança, por conta da pandemia”, ressaltou Soraya Thronicke. A parlamentar ainda mencionou que gostaria de verificar a situação das aldeias e se colocou à disposição para ajudar.

Referente à Proposta de Emenda à Constituição (PEC) de adiamento das eleições municipais de 2020 que será votada pelo Senado nesta terça-feira, 23, Soraya disse que, em reunião na semana passada e hoje, 22, foram discutidos junto com os ministros Luís Roberto Barroso e Luiz Edson Fachin, presidente e vice-presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), e com exponentes da Medicina, as projeções em relação à Covid-19.

“Precisamos ter as eleições esse ano. A tendência é não estender os mandatos por conta da Constituição. As projeções, infelizmente, são as piores, os médicos e cientistas disseram que devemos estender o prazo no maior tempo possível. Estamos nos norteando por questões irrefutáveis, as questões políticas devem ficar de lado neste momento, a ciência deve nos pautar”, destacou. Conforme Soraya Thronicke, a pauta é de que o 1º turno seja realizado no dia 15 de novembro e o 2º turno no dia 29 de novembro.

O presidente da Câmara de Dourados, vereador Alan Guedes (Progressistas), agradeceu a participação da senadora Soraya e enfatizou que o momento é para deixar questões políticas de lado para que o foco seja mitigar os efeitos do coronavírus. “Para nós é uma honra receber a senadora. A mesma forma que a pandemia nos distancia, também nos aproxima, porque talvez de outra forma não poderíamos ter a presença de uma senadora da República em nossa sessão, o que é possível nas sessões remotas”, salientou.

“As emendas de vossa excelência são muito bem-vindas para cidade, nós precisamos, de fato. A senhora toca em um assunto que para mim é muito claro, não podemos politizar o combate à pandemia e seus efeitos, precisamos de uma ação coletiva da classe política para discutirmos com a seriedade que é necessária, sabendo que no momento oportuno da eleição discutiremos questões políticas. Neste momento precisamos discutir o combate à pandemia e a mitigação de seus efeitos, que esse é o nosso papel, talvez o maior desafio que nossa geração verá neste país”, reforçou Alan Guedes.

Texto/Fonte: Assessoria

Informativo da Câmara

Cadastre seu e-mail para receber novidades da Câmara Municipal de Dourados.