Audiência Pública proposta por Ishy debate a implantação do piso da enfermagem
O vereador Elias Ishy (PT) é o propositor da Audiência Pública, que é aberta ao público
Foto: Valdenir Rodrigues/CMD
25/07/2022 18:15

A Câmara de Dourados realiza Audiência Pública no dia 2 de agosto, às 18h, para tratar dos desafios da implantação do piso salarial da enfermagem no âmbito municipal e regional. A proposição é do vereador Elias Ishy (PT) e conta com o apoio do Sindenf-MS (Sindicato dos Servidores dos Setores de Enfermagem da Grande Dourados). 

Segundo o advogado Luiz Carlos, este é o momento para reconhecer e valorizar os profissionais. O profissional pretende apontar durante o evento as alternativas para que Estado e municípios, tanto na rede pública quanto particular, possam atender a essa expectativa.  

Ishy lembra que tem profissionais da saúde que ganham um salário mínimo e que a pandemia da Covid mostrou ainda mais a importância de dar o devido reconhecimento aos que foram verdadeiros heróis e heroínas, que por anos passaram na invisibilidade, trabalhando, esgotados, em prol da vida das pessoas. “Ainda há muita luta, mas é o começo para que o piso seja efetivado no município”, afirma o vereador.

O autor da Proposta de Emenda à Constituição (PEC 11/2022) que instituiu o piso foi o senador Fabiano Contarato (PT-ES). Após a aprovação do Projeto de Lei 2.564 (na Câmara dos Deputados) e da PEC 11 (no Senado), ele conclamou a categoria a desempenharem um papel ativo na política, a mobilizar, pois é onde tem força inestimável para mudanças.

O PL prevê o piso no valor de R$ 4.750, a ser pago nacionalmente por serviços de saúde públicos e privados, de R$ 3.325 para técnicos e R$ 2.375 para auxiliares e parteiras. Estados e municípios têm até o final do ano para adequar a remuneração dos cargos e dos planos de carreira.

A Audiência Pública também será transmitida pelo canal da Câmara no YouTube (confira clicando aqui).
 

Texto/Fonte: Assessoria