“Ação da prefeitura sobre emissão de alvarás é irresponsável e lesiva aos moradores dos distritos”, denuncia Madson
18/09/2019 09:17

18/09/2019 09h09 - Por: Assessoria

O vereador Madson Valente (DEM) classificou a atitude da gestão municipal de Dourados, com relação a um possível acordo sobre emissão de alvarás para os distritos, como algo prejudicial aos comerciantes, pois, segundo o parlamentar, o presente acordo, conforme está na matéria oficial, limita o crescimento econômico e não oferece nenhuma segurança aos empresários já estabelecidos.

De acordo com o vereador, esta reação da Prefeitura Municipal é em razão de um projeto de lei de sua autoria que está pra ser votado na Câmara Municipal que cria alvarás especiais para os distritos e estabelece regras para concessionária CCR MSvias e também aos empreendedores. Ele afirma ainda que "em nenhum momento a administração se pronunciou e que agora querem se utilizar de mecanismos, promovendo distorções, prejudicando nossas comunidades".

"É inconcebível tal acordo. Primeiro a concessionária não possui autonomia para tal, isso é atribuição da ANTT (Agência Nacional de Transportes Terrestres), portanto mentem ao fazer tal publicidade. Segundo, valerão somente os comércios já cadastrados. Terceiro, não exigem nenhuma regra para que a concessionária também possa assumir responsabilidades para com aqueles que foram desapropriados e nunca foram indenizados, isso é um absurdo", disse Madson .

"Considero tal atitude de visitar alguns comércios, apenas como um grande sinal que a bancada de sustentação deste governo será orientada a votar contra o povo da zona rural, contra nosso projeto que cria o alvará especial, que poderia garantir nosso crescimento econômico e social, algo inimaginável, mas manterei minha postura e defenderei no parlamento nossas comunidades, afinal minha opção é pela política digna, jamais me submeteria a buscar uma zona de conforto dentro deste governo declinante para prejudicar nosso povo", encerrou o vereador Madson Valente.


Madson julga a atitude da prefeitura como prejudicial aos comerciantes (Foto: Assessoria)

Texto/Fonte:

Informativo da Câmara

Cadastre seu e-mail para receber novidades da Câmara Municipal de Dourados.